Viana do Castelo investe em redução de perdas de água, com apoio PO SEUR

Ago 17, 2020 | Notícias

A Câmara Municipal de Viana do Castelo e a AdAM – Águas do Alto Minho assinaram o auto de consignação da “Empreitada de Execução para a Remodelação das Redes de Abastecimento de Água previstas no âmbito das candidaturas aprovadas pelo PO SEUR”.

 

A obra implica um investimento de 1,342 milhões de euros nos sistemas de abastecimento de água com o objetivo de controlo e redução de perdas em 14 freguesias do concelho.
 

Financiada pelo PO SEUR  – Programa Operacional Sustentabilidade e Eficiência no Uso de Recursos, a remodelação das redes integra uma empreitada de 13,399 milhões de euros nos sete municípios que integram as Águas do Alto Minho, contando com um apoio financeiro de 5,326 milhões de euros da União Europeia e apoio financeiro público nacional de 8,073 milhões de euros.

 

Serão remodelados 13 quilómetros de redes, nas freguesias de Barroselas, Mazarefes e Vila Fria, Mujães, Vila de Punhe, Cardielos, Serreleis, Vila Nova de Anha, Meadela, Santa Maria Maior, Areosa, Monserrate, Perre, Darque e Santa Marta de Portuzelo.

 

Para a Câmara Municipal de Viana do Castelo, “o valor que está em cima da mesa é a qualidade de vida dos concidadãos e um projeto que garanta a qualidade do abastecimento de água às populações”. Este montante de intervenções representa “uma verdadeira revolução ambiental que está a acontecer no Alto Minho”.

 

Do total dos 13,3 milhões de euros que a AdAM consignou, para concluir até 2021, cinco milhões de euros serão investidos na renovação das redes de abastecimento de água e cerca de oito milhões na instalação de equipamento de monitoração das perdas de água.

 

 

 

Fonte: C.M Viana Castelo/Poseur