Anunciados os Vencedores do Concurso de Ideias Born from Knowledge 2019

Out 16, 2019 | Notícias

Poderiam não passar de ideias, mas o espírito empreendedor daqueles que as conceberam e o apoio das instituições de ensino superior que as viram nascer, transformaram-nas em quatro projetos inovadores com viabilidade de negócio.

 

  • Uma tenda biónica capaz de resolver problemas como a falta deste tipo de suporte para deslocados, nomeadamente refugiados, e a escassez de água que lhes devia ser destinada;
  • Um projeto que resolve o desperdício alimentar e cria novos produtos naturais que poderão ser reintroduzidos no mercado agroalimentar;
  • Um composto químico que poderá vir a gerar um medicamento para travar a evolução de doenças artríticas, designadamente, a osteoartrose;
  • Uma plataforma online de partilha de experiências, que valoriza a conciliação entre o estudo ou trabalho e o lazer.

 

 

Estes são os quatro vencedores da segunda edição do Born from Knowledge, uma iniciativa da Agência Nacional de Inovação (ANI), que distingue as melhores ideias de negócio provenientes de Instituições de Ensino Superior portuguesas e, cuja final, decorreu no Instituto Politécnico da Maia, distinguindo os seguintes projetos:

 

 
 
BfK Rise: Programa de Aceleração Tecnológica de três meses
 
Estes foram os quatro selecionados de um total de 30 projetos a concurso, representando instituições de ensino superior (públicas e privadas) com que a ANI desenvolve parceria.
 
Os quatro, bem como aqueles que venceram a edição do ano passado, têm entrada direta para o programa de aceleração em ciência e tecnologia BfK Rise, também da responsabilidade da ANI.
 
Além destes, outros projetos poderão candidatar-se até 15 de novembro. Estão previstas três edições – Norte, Centro e Alentejo – em que os participantes terão ao longo de três meses o acompanhamento próximo de uma rede de mentores, constituída por outros empreendedores, entidades parceiras da ANI, empresas, entre outros. O principal objetivo é capacitá-los de forma a poderem acelerar o processo de transferência de conhecimento em produtos ou serviços para o mercado.
 
Fonte: ANI/MC